News Noticias
recent

Obrigado, Senhor, pela sua Divina Misericórdia

“A verdade revelada por Cristo a respeito de Deus «Pai das misericórdias» permite-nos «vê-l'O» particularmente próximo do homem, sobretudo quando este sofre, quando é ameaçado no próprio coração da sua existência e da sua dignidade. Por este motivo, na atual situação da Igreja e do mundo, muitos homens e muitos ambientes, guiados por vivo sentido de fé, voltam-se quase espontaneamente, por assim dizer, para a misericórdia de Deus. São impelidos a fazê-lo certamente pelo próprio Cristo, o qual, mediante o seu Espírito, continua operante no íntimo dos corações humanos. O mistério de Deus «Pai das misericórdias» revelado por Cristo torna-se, no contexto das hodiernas ameaças contra o homem, como que um singular apelo dirigido à Igreja.” (Dives in misericórdia -Ioannes Paulus PP. II -Carta Encíclica, 1980.11.30)

“Guarda-me, ó Deus, porque em ti confio. A minha alma ao Senhor: Tu és o meu Senhor, a minha bondade não chega à tua presença. Mas aos santos que estão na terra, e aos ilustres em quem está todo o meu prazer. As dores se multiplicarão àqueles que fazem oferendas a outro deus; eu não oferecerei as suas libações de sangue, nem tomarei os seus nos meus lábios. O Senhor é a porção da minha herança e do cálice; tu sustentas a minha sorte. As linhas caem-me em lugares deliciosos: sim, coube-me uma formosa herança. Louvarei ao Senhor que me aconselhou; até os meus rins me ensinam de noite” (Sl 16,1-7).

Que Jesus Cristo acalme nosso coração para que tudo possa acontecer no tempo que Ele tem para nós. Aos poucos e com muita paciência, possamos aproveitar a graça e a transformação que Ele tem para a vida de cada um.

No diário de Santa Faustina número 1732 diz: “(…) Amo a Polônia de maneira especial e, se ela for obediente à Minha vontade, Eu a elevarei em poder e santidade. Dela sairá a centelha que preparará o mundo para a Minha Vinda derradeira”.

Qual é o nome dessa centelha? João Paulo II. Durante seu pontificado, ele marcou a história não somente da Igreja Católica, mas da humanidade.  Diz Jesus no Diário de Santa Faustina: "Se a alma não praticar a misericórdia, de um ou de outro modo, não alcançará a Minha misericórdia no dia do juízo".

Diga comigo: "
Obrigado, Senhor, porque na sua Divina Misericórdia, não apenas quiseste nos perdoar, mas deixaste aqui na terra embaixadores Teus. E através deles, como que por um fio elétrico, chega a energia divina e nos perdoas. Obrigado por aqueles que trazem o perdão de nossos pecados. Agradeço com amor o derramamento de sua Misericórdia em minha casa, em minha família. Digo mais uma vez Obrigado, Senhor, por vossa Misericórdia..."

“Louvarei ao Senhor que me aconselhou; até os meus rins me ensinam de noite.” Que este dia seja um novo derramamento da graça de Deus sobre sua vida.
"Deus vos abençoe!!!"
Fundador Gleydson do Blog Verbo Pai
  

Verbo Pai

Verbo Pai

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.