News Noticias
recent

Te dou Livre acesso Senhor!



Se as portas de seu coração se abrem, deixando entrar a luz do céu entrar abre bem as portas do teu lar e trabalho. Começou para você um novo tempo, um tempo de graça em sua vida. O livro de Isaias nos convida dizendo: “Atenção! Vinde procurar-me, ouvi-me e tereis vida nova, farei convosco uma aliança definitiva…” Isaías 55,3

Já imaginou o que Deus pode fazer a partir desta abertura de coração? O Senhor deseja entrar em meu coração, mais infelizmente nem todos aceita que o Espírito Santo penetre nos recantos mais profundos. Ele quer entrar nos “quartos escuros” que andam fechados há muito tempo, áreas de sua história que lhe parecem difíceis de acolher.

Mais só depende de você, Jesus está à porta, batendo, batendo e vai insistir, só vai parar quando você abrir o coração, a missão do Senhor é salvar aqueles que o Pai o confiou, isso inclui eu e você.

Vamos lá, diga ao Senhor que sozinho (a) você não pode mais, que precisa de uma ajuda. Coragem! É nesta decisão que Jesus se faz presente. Renuncie a tudo que não vem do alto e assim você já estará dando ao Senhor o espaço que lhe é devido. Se for preciso dizer que não agüenta mais, que você entrega os pontos, que se rende, é isso, você está no caminho certo.

Quero lhe ajudar nesta decisão oferecendo a você uma oração.

Oração de libertação dos pecados de família


Senhor, assumo a minha casa, a família que me deste.

Como membro dessa família, peço-Te perdão por meus pecados pessoais, Senhor. Os pecados que cometi por pensamentos, os meus pecados de sentimentos, de emoções, de atos; todas as coisas erradas que fiz.

Peço-Te perdão, Senhor, por todas as palavras erradas que disse, palavras falsas, ofensivas, que machucaram os meus irmãos e que não foram convenientes.

Peço-Te perdão por todos os meus pecados por omissão. As coisas que devia fazer e não fiz. Por não ter orado como devia, por não interceder como devia, por não vigiar como devia, por não comandar como devia, por não usar de autoridade como devia, por não falar quando devia, por não calar quando devia,… enfim, Senhor, todas as minhas omissões.

Peço-Te perdão por toda a minha malícia, maldade, falsidade, hipocrisia… de todo o meu pecado, Senhor. Tu sabes da sinceridade do meu coração.

Digo, sinceramente, diante de Ti: rompo com o pecado. Não quero pecar, Senhor. Digo “não” ao pecado.

Agora assumo a autoridade espiritual que não é minha, mas que o Senhor me deu, sobre a família que o Senhor me concedeu.

Assumindo essa autoridade espiritual, digo:

Perdão, Senhor, pelos pecados da família que me deste. Assumo sobre mim esses pecados, como o Senhor assumiu sobre Si os pecados do teu povo, os pecados da família que o Pai te deu. O Senhor foi até a cruz e derramou o Seu sangue por essa família.

Senhor, peço-Te perdão por todos os pecados de pensamentos, de julgamentos, de palavras, de sentimentos, de emoções – por minha culpa ou sem minha culpa – que minha família cometeu.

Peço-Te perdão por todos os pecados de omissão da minha família. Por tudo aquilo que os meus entes queridos fizeram, desagradando e ofendendo o Teu coração, desagradando e ferindo os meus irmãos.

Eu e a minha casa rompemos com o pecado, não queremos mais pecar. Eu e a minha casa não queremos mais ser uma “filha apóstata”. Não queremos mais ficar vagando por caminhos errados, pelos caminhos da tentação, resvalando no pecado e dando abertura a ele.

Eu e minha casa dizemos como Domingos Sávio: “A morte, mas não o pecado. Antes morrer do que pecar”.

Sabemos da nossa fragilidade, Senhor, mas firmes na fé, firmes no teu poder, no poder da Tua cruz, fazemos esta proclamação: “Eu e a minha casa rompemos com o pecado”.

Meu Senhor e meu Deus, lava-nos agora com o Teu sangue precioso. Lava toda minha casa, minha família, todos aqueles que bondosamente me deste.


Retirado do livro: Eu e minha casa serviremos ao Senhor - Padre Jonas Abib.

Deus abençoe você!!!
Fundador Gleydson do Blog Verbo Pai
Verbo Pai

Verbo Pai

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.