News Noticias
recent

O adorador é arrastado por Deus



Na Quaresma, cada um de nós é chamado por Deus para marcar um ponto de viagem na nossa vida, de pensar e viver de acordo com o Evangelho, corrigindo alguns aspectos da nossa maneira de rezar, agir ou de trabalho e das nossas relações com os outros. Jesus faz este apelo para nós, não com uma gravidade que é um fim em si, mas justamente porque ele se preocupa com o nosso bem, nossa felicidade e nossa salvação.

Sei que vários grupos de fiéis se reúnem para rezar, para serem treinados na escola do Evangelho, a participação nos Sacramentos, especialmente da Penitência e da Eucaristia e viver essa dimensão essencial para a vida cristã, que é a caridade. (Homília do Papa Bento XVI no terceiro domingo da quaresma)

Com tantos acontecimentos temos que se prostar diante do Santos dos Santos que é Jesus Cristo no Santissímo Sacramento no altar. Sendo assim uma das maiores manifestações de nossa fé e representa a adoração que nós oferecemos a Jesus na Eucaristia, o nosso amor por ele manifestado ao longo da história, porque a Boa nova é alegria! Manifestamos nosso ser comunidade porque estamos juntos: a religião não é algo particular, é a nossa alegria diante do Senhor.

"A Fé Eucarística é um mistério no qual crer, é um mistério a celebrar e é um mistério a viver, que nos manda em missão. A Eucaristia é um sumário dinâmico da vida cristã. Mais precisamente falam da Solenidade do Corpo e do Sangue de Cristo os parágrafos de 66 até 69 [Exortação], dizem respeito especificamente à adoração e à devoção Eucarística. O Papa diz muito claramente que há uma relação entre a Santa missa e a adoração da Eucaristia fora da Santa Missa, porque é a Missa que dá origem ao Sacramento que permanece, mesmo após a mesma celebração eucarística".(Exortação Apostólica Sacramentum Caritatis - que Bento XVI)

De um modo especial Jesus, hoje, está presente em dois lugares: no céu e no Santíssimo Sacramento do altar. São os dois lugares únicos, onde o Senhor está em sangue, corpo, alma e divindade.Você também pode adorá-Lo em seu coração.

O adorador é arrastado por Deus. É ser "aniquilado" por Deus. É ser consumido por Deus! É uma felicidade contrária a do mundo, pois Deus vai consumindo a sua vida com um fogo ardente, por dentro do coração. Por isso, o adorador não vive sem adorar! O adorador vive do Adorado!

"Convertei-vos e crede no evangelho!!!"
Fundador Gleydson do Blog Verbo Pai
Verbo Pai

Verbo Pai

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.