News Noticias
recent

Quer tirar de você o egoísmo, a cobiça e a soberba?

O verdadeiro caminho é o da humildade e da humilhação, como Jesus fez, porque “é a única estrada para nos tirar o egoísmo, a cobiça, a soberba, a vaidade e a mundanidade”. Não podemos viver de uma “religião da aparência”, da “maquiagem”, que quer parecer uma coisa, mas não é. Disse que a liberdade cristã vem de Jesus e “não das nossas obras”.
“A redenção vem do caminho da humildade e da humilhação porque não se chega nunca a humildade sem a humilhação”, sublinhou convidando a olhar para “Jesus humilhado na cruz”.

Ao comentar a carta de São Paulo aos Gálatas da liturgia do dia, o Santo Padre denunciou a atitude dos fariseus: “‘Vocês fariseus limpam o exterior do copo e do prato, mas por dentro vocês estão cheio de avidez e de maldade”.

“Jesus repete isso muitas vezes no Evangelho a estas pessoas: ‘vocês são maus por dentro, não é justo, não é livre. Vocês são escravos porque não aceitaram a justiça que vem de Deus, a justiça que Jesus nos deu’”.

Em outro trecho do Evangelho, Jesus pede que se reze sem que seja visto, sem aparecer, algo que o Pontífice destacou como o “caminho da humildade”. “O que importa – explicou – é a liberdade que deu a redenção, que deu o amor, que deu a recriação do Pai”.

“Aquela liberdade interna, aquela liberdade de se fazer o bem escondido, sem tocar os trompetes, porque a estrada da verdadeira religião é a mesma de Jesus: a humildade, a humilhação”, refletiu Francisco.


“Ao contrário, esta gente que Jesus repreende é gente que segue a religião da maquiagem: a aparência, o aparecer, fingir parecer, mas por dentro... Jesus usa para esta gente uma imagem muito forte: ‘Vocês são túmulos reluzentes, bonitos por fora, mas dentro cheios de ossos de mortos e podridão’”.

Em seguida, o Papa Francisco convidou a ser humildes segundo o exemplo de Jesus. “Ele nos chama, convida-nos a fazer o bem com humildade”, afirmou. “Você pode fazer todo o bem que quiser, mas se não for feito com humildade, como nos ensina Jesus, não serve, porque é um bem que nasce de ti mesmo, da sua segurança e não da redenção que Jesus nos deu”.

“Peçamos ao Senhor que não nos cansemos de caminhar por esta estrada, de não nos cansarmos de rejeitar esta religião da aparência, do parecer, do fingir ser... e ir fazer o bem escondido, gratuitamente, como nós gratuitamente recebemos nossa liberdade interior. E que Ele cuide desta liberdade interior de todos nós. Peçamos esta graça”, concluiu.

"Estai, pois, firmes na liberdade com que Cristo nos libertou, e não torneis a colocar-vos debaixo do jugo da servidão." (Gálatas 5, 1)

Leituras comentadas pelo Papa:     

Primeira leitura (Gálatas 5, 1-6)

Evangelho (Lucas 11,37-41)

Fonte: http://www.acidigital.com/

"Deus vos abençoe!!!"
Fundador Gleydson do Blog Verbo Pai
Verbo Pai

Verbo Pai

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.